quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Estado policial: o velho aliado das elites

Os indiciamentos de Lula e a prisão continuada de José Dirceu reproduzem, no plano da classe política, o funcionamento do Estado policial como defensor dos interesses das elites. Enquanto uns poucos usam tornozeleira eletrônica, a grande maioria apodrece em prisões sub-humanas. Enquanto os políticos dos partidos representantes das classes dominantes ficam impunes em face de seus crimes, os da classe trabalhadora são sempre implacavelmente perseguidos. E condenados. O paralelismo salta aos olhos.


Luiz Inácio Lula da Silva