sábado, 19 de março de 2016

A democracia mais uma vez ameaçada

A OAB declarou que vai apoiar o impeachment de Dilma Rousseff, um instrumento sem fundamentação jurídica, comandado por Eduardo Cunha, o maior canalha da República. E depois de uma manifestação popular expressiva em defesa da democracia, Gilmar Mendes suspende a posse de Lula e o entrega de bandeja a Sérgio Moro, numa noite de sexta-feira, após às 21h. Enquanto isso o PSDB continua blindado, conspirando explicitamente com o PMDB, para implantar, à revelia do voto popular, a agenda neoliberal conservadora da distopia chamada "Uma ponte para o futuro". O golpe está incrustado em todas as instituições brasileiras. Os monstros morais e os vampiros políticos detém o poder de fato. O que está acontecendo? Onde estão os juristas progressistas do país? A classe artística, os intelectuais, os economistas? Acabou o Estado de direito? Não há mais saída? É isso? Os movimentos de resistência não podem parar. A democracia está em risco.