domingo, 28 de fevereiro de 2016

A democracia como antídoto à hegemonia neoliberal

Instalação de Ryoji Ikeda. Foto de Liz Hingley, © Ryoji Ikeda
"Toda ordem hegemônica é passível de ser desafiada por práticas anti-hegemônicas." (Chantal Mouffe)

A despeito de quem governe o Brasil, as estruturas das instituições públicas e privadas estão dominadas, e muito bem remuneradas, pela hegemonia neoliberal. O maior desafio da democracia brasileira é desmontar essa hegemonia que tudo compra, tudo pode e tudo destrói. Uma hegemonia que beneficia os endinheirados, explora e precariza a classe média (que mesmo assim a defende com paixão), e aniquila brutalmente o restante da população.